24 de mar de 2008

Comandos do windows.

Para abrir esses comandos você pode clicar no menu “Iniciar > Executar” e digitar o nome do comando. Dica de teclado: pressione a tecla do logotipo do Windows e, com ela pressionada, tecle a tecla da letra "R" (de "run", "executar"). Se quiser usar um comando diversas vezes, crie um atalho na área de trabalho para ele! Aí você pode chamá-lo clicando no ícone. Para isso: Clique com o botão direito na área de trabalho, escolha “Novo > Atalho”, e na linha de comando, digite o que você digitaria ao clicar em “Iniciar > Executar”. Bom, vamos lá!



msconfig

Abre o utilitário de configuração do sistema. Permite definir opções de boot, e os drivers e serviços que devem ser carregados ou não. Importante também porque permite desativar programas que se inicializam automaticamente com o computador, liberando recursos do sistema na inicialização e removendo programas que você não quer que sejam iniciados junto com o Windows. O Windows 95 atualizado e todas as outras versões a partir do 98 possuem esse utilitário, exceto o Windows NT e o 2000.

regedit

Abre o editor do registro do Windows. Você pode modificar algum valor ou excluir dados desnecessários, por exemplo, de programas espiões ou que se inicializam com o Windows, ou qualquer outro tipo de programa mal comportado. Aqui ficam as configurações da maioria das coisas do Windows e dos programas. Não mexa, não altere, não exclua nada se não souber "exatamente" o que está fazendo, pois uma edição incorreta do registro pode fazer com que o computador nem chegue a inicializar.

iexpress

Compactador de arquivos que gera um executável auto-extraível (SFX). Ideal para desenvolvedores e distribuidores de software. Pode executar um comando, ou apenas extrair os arquivos para uma pasta - ou ainda apenas criar um arquivo compactado no formato ".cab". Disponível em praticamente todas as versões da linha NT. Não existe no Windows 95, 98 nem no Millennium. Você pode copiar os arquivos "iexpress.exe", "makecab.exe" e "wextract.exe" de um Windows 2000/XP e colocá-los numa mesma pasta para executá-los no Windows 9x/Me; pelo menos até os retirados do XP funcionam normalmente. Esses arquivos ficam na pasta de sistema (system32).

control

Abre o painel de controle. Dica: digite a seguir o nome do arquivo do painel de controle a ser aberto (de extensão geralmente ".cpl"). Por exemplo, digitando "control appwiz.cpl" (sem aspas) abre-se o miniaplicativo "Adicionar ou remover programas". Alguns outros nomes possíveis são: desk.cpl (vídeo), main.cpl (mouse), inet.cpl ou inetcpl.cpl (opções do Internet Explorer), sysdm.cpl (sobre o sistema), timedate.cpl (data e hora), hdwwiz.cpl (adicionar hardware), etc. Pesquise pelos arquivos *.cpl na pasta do Windows para obter mais nomes.

msinfo32

Abre o utilitário "Informações do sistema", que lista as configurações de hardware e alguns softwares. Por exemplo, versão do Windows, processador, memória RAM, etc. Se você tem o Microsoft Office instalado, muitas informações sobre os aplicativos dele serão listadas pelo msinfo32 também.

gpedit.msc

Abre o editor das diretivas de grupo. Permite configurar opções do sistema e restringir configurações para os usuários, como sobre as propriedades, painel de controle, itens do menu Iniciar etc. Não existe nas versões Windows 9x/Me nem no Windows XP Home Edition. É bastante interessante para fuçadores que gostam de configurar muitas coisas, afinal o Windows tem uma série de opções que não ficam disponíveis pelas suas interfaces de configuração convencionais (como as janelas de opções, por exemplo).

iexplore

Abre o Internet Explorer, pra você que gosta da linha de comando. Digite com o nome do site separado por um espaço, para abrir o site. Exemplo: iexplore www.mepsites.cjb.net.

temp

Abre a pasta "Temp" de dentro da pasta do Windows, útil para excluir os arquivos dela rapidamente. Nas versões de Windows mais recentes existe ainda a pasta "Temp" por usuário, que geralmente é a mais usada. Ela fica normalmente em "C: \ Documents and settings \ \ Configurações locais \ Temp". Nota: a pasta "Configurações locais" é oculta por padrão; para abri-la navegando pelas pastas, peça para mostrar todos os arquivos, no menu “Ferramentas > Opções de pasta > Modos de exibição”, no Windows Explorer. Consulte em outro ponto deste livro sobre a limpeza dos arquivos temporários.

drwatson

Abre o utilitário DrWatson, que verifica problemas em programas. Sinceramente não entendo muito bem como ele trabalha...

drwtsn32

Abre uma tela de configuração do Dr Watson em 32-bit, diferente do citado acima. Permite especificar algumas ações a serem tomadas em determinados erros de programas, e visualizar os logs de erros.

dxdiag

Abre o utilitário de configuração do Direct-X (caso o mesmo esteja instalado, que é padrão nas versões de Windows mais recentes). Você pode testar seu hardware gráfico e de som, e desativar as acelerações caso tenha problemas com o vídeo ou áudio.

prefetch

Abre a pasta "%windir%\Prefetch", que guarda um monte de arquivos inúteis no seu HD. Está presente nas versões de Windows XP e superiores, tudo o que estiver dentro dela pode ser excluído com segurança, pois na prática não serve para nada (só para ocupar espaço, claro). A funcionalidade proposta pelo Prefetcher geralmente tem um efeito negativo, diminuindo o desempenho no Windows XP. Ele carregaria “pedaços” de programas já iniciados na memória, ao abrir esses programas. Na pasta “Prefetch” ficariam gravados estes “pedaços”.

cmd

No Windows 2000/XP abre o "Prompt de comando". No Windows 9x/Me utilize o comando "command", para abrir o prompt do MS-DOS.

control userpasswords2

No Windows XP abre o gerenciador de usuários completo, no estilo do que é encontrado no Windows 2000. O gerenciador de usuários do Windows XP acessado através do painel de controle foi otimizado para iniciantes, e só permite criar dois tipos de contas (administrador e usuário restrito). Com esse comando você pode definir as outras opções de contas de usuários, redefinir a senha dos usuários e, ainda, desmarcando a opção "Os usuários devem digitar um nome de usuário e senha para usar este computador" você faz com que o Windows entre diretamente, sem pedir senha ou aguardar a escolha de um usuário na tela de boas-vindas. Depois se quiser trocar de usuário é só efetuar logoff (digo, "fazer" logoff).

services.msc

Abre o gerenciador de serviços (não existe no Windows 9x/Me). Ative ou desative serviços do sistema, inicie ou interrompa-os. É recomendável desativar tudo o que não é usado, para economizar recursos do sistema. Obs.: não altere nem edite nada se não souber o que está fazendo.

hh windows.chm

No Windows XP, 2003 ou superior, faz com que o conteúdo do "Ajuda e suporte" seja aberto no visualizador padrão de ajuda, "bem" mais leve. Tem o mesmo estilo da ajuda do Windows 2000, mas será mostrado o conteúdo da ajuda do seu sistema. Dica: troque "windows.chm" pelo nome do arquivo de ajuda que deseja visualizar. Esses arquivos ficam na pasta "%windir%\help".

winver

Mostra a versão de Windows que está instalada.

scanreg /restore

Permite restaurar o registro do sistema baseado na cópia das últimas quatro inicializaçaões bem sucedidas. Utilize em caso de problemas com configurações realizadas que impeçam a inicialização normal do computador. Pode ser utilizado no modo ms-dos (Windows 9x) ou através do prompt. Não está mais presente nas versões recentes do Windows.

sfc

Examina os arquivos do sistema e solicita que eles sejam restaurados se estiverem corrompidos ou se foram trocados por algum programa (maléfico ou não). É recomendável chamá-lo a partir do prompt, não diretamente na caixa "executar", para que você observe a mensagem de retorno. Existe no Windows 2000, XP ou superior.

sfc /purgecache

Apaga todos os arquivos da pasta "%windir%\system32\DLLCache", que são cópias de alguns arquivos do Windows que ele restaura quando os mesmos são perdidos (por isso ele pode "recriar" arquivos do sistema, na verdade ele não "recria" mas sim copia daqui). Limpar esta pasta não traz problema algum, ainda libera uma grande quantidade de espaço em disco. Depois se o Windows precisar de um arquivo e não encontrá-lo nessa pasta, ele simplesmente pedirá o CD. Essa pasta pode crescer e crescer e crescer... Você pode dar o comando "sfc cachesize=50" (sem aspas) para definir, em megabytes, o tamanho máximo dessa pasta. 50 MB é um bom tamanho, não é necessário guardar as cópias dos arquivos no HD se você tiver o CD, pois realmente é muito raro ter que usá-los!

shutdown

Desliga o sistema, com opções de desligar sistemas remotos (em rede) ou ainda reinicializar, além de poder definir o tempo de desligamento após ser chamado o comando. Permite personalizar uma mensagem a ser exibida na tela para o usuário, avisando que o sistema está sendo desligado. Procure na ajuda do Windows, no Índice, pelo comando shutdown e veja seus diversos parâmetros. Com ele, você pode, por exemplo, colocar um atalho na área de trabalho para desligar o computador diretamente, sem perguntar.

É isso...

Você ainda pode usar o “Iniciar > Executar” para abrir pastas. Dica: digitando %windir% você abre a pasta do Windows. Para abrir pastas compartilhadas na rede digite \\NomeDoComputador\NomeDoCompartilhamento. Os nomes dos executáveis dos arquivos que estejam nas pastas listadas na variável de ambiente "Path" também podem ser digitados, como "notepad" para abrir o bloco de notas, "calc" para abrir a calculadora, etc.

Reações:

0 comentários: